Principais tendências de segurança física para 2021

fevereiro 17, 2021

Esta é aquela época do ano em que gostamos de divulgar nossas ideias sobre tecnologias e temas que estarão em alta nos próximos meses. 

Depois de compartilharmos nossas três principais tendências para 2020 no ano passado*, as coisas tomaram um rumo imprevisível. A COVID-19 atingiu o mundo e todos tivemos que nos adaptar para atender a novos protocolos de saúde.

Como a pandemia continua a impactar empresas em todos os lugares, aqui apresentamos aquilo que acreditamos ser as principais tendências de segurança física para 2021.

#1 Soluções inovadoras irão melhorar a resposta à COVID-19

O controle do distanciamento social foi fundamental durante a pandemia. Para cumprir os protocolos de saúde, varejistas, escritórios corporativos e outros, precisam saber quantas pessoas se encontram em suas dependências em determinado momento. Isso gerou uma grande demanda por soluções de gerenciamento de ocupação.

Embora a maioria esteja usando essa tecnologia para contar as pessoas que entram e saem de um local, as organizações continuarão a expandir essa tecnologia para todas as áreas de suas instalações.

Essas análises espaciais estão ajudando as empresas a obter insights importantes sobre como as pessoas usam suas instalações. Muito tempo depois do fim da pandemia, poderão extrair dados para saber:

- quantas pessoas estão aguardando no saguão

- quantas pessoas estão no refeitório

- como espaços específicos estão sendo usados ao longo do tempo

Esses dados tornam-se então o catalisador para a elaboração de melhorias que aprimoram a experiência do visitante, funcionário ou inquilino.

#2 Os riscos envolvendo cybersecurity continuarão a aumentar

De escolas a hospitais, até empresas privadas, houve um aumento nos ataques cibernéticos no ano passado. Somente no terceiro trimestre de 2020, a Trends Micro* relatou que havia quase 4 milhões de ameaças de e-mail e mais de 1 milhão de acessos a URLs maliciosos relacionados à COVID-19. 

Grande parte disso pode estar relacionado à mudança repentina ao trabalho remoto que deixou as organizações se debatendo para manter os negócios funcionando, enquanto tentavam proteger os ativos corporativos. Dito isto, mesmo as organizações de serviços essenciais, como hospitais e instituições públicas que demandam funcionários presenciais, foram severamente afetadas pelo crime cibernético.

No mundo de hoje, um perímetro de TI seguro já não existe mais. Os profissionais de segurança física devem adotar medidas para deter os hackers e proteger seus negócios.

É indispensável a escolha de fornecedores confiáveis e implantação de soluções de segurança física dotadas de camadas de defesas cibernéticas.  As equipes de segurança já sabem que criptografias integradas, autenticação multifator e gerenciamento de senhas são as primeiras linhas de defesa.

Além disso, tirar proveito de outros recursos pode melhorar a postura de cybersecurity. Isso inclui ter acesso à pontuação de risco para cybersecurity,alertas de vulnerabilidade do sistema*, e lembretes automáticos para atualizações de firmware e hardware*. 

#3 As empresas se concentrarão na proteção da privacidade

Durante a pandemia da COVID-19, muitas organizações implementaram dispositivos de 'detecção de febre' e outros novos sistemas. Na pressa de manter as pessoas em segurança, elas podem não ter tido tempo para pensar como potenciais preocupações com a privacidade* podem surgir a partir disso nos próximos meses.

Em tempos de crise, manter a privacidade em mente torna-se ainda mais importante. É por isso que mais empresas estão reavaliando como coletam, armazenam e compartilham informações pessoais. Com altas penalidades em jogo, elas estão buscando maneiras de cumprir melhor as leis de proteção de dados e privacidade.

Acreditamos que as preocupações com a privacidade pública relacionadas ao rastreamento de contatos de COVID-19 e outros desafios sociais, continuarão a crescer. Esse nível de confidencialidade, exigirá que o setor de segurança física lide de frente com a questão da privacidade e encontre as soluções adequadas.

Para muitos profissionais de segurança física, isso significa enfrentar a realidade de que seus equipamentos de segurança legados e sistemas proprietários mais antigos, não estão aptos a oferecer suporte aos fundamentos de privacidade e segurança de dados. Isso aumentará a demanda por soluções mais recentes projetadas com privacidade por design*.

#4 A demanda por nuvem e soluções de nuvem híbrida continuará a crescer

De acordo com um relatório intitulado Previsões da Forrester para 2021*, a infraestrutura de nuvem pública global crescerá 35% para um valor de mercado de US$ 120 bilhões em 2021.  A pandemia é, em grande parte, responsável pelo aumento da demanda por nuvem. Como o uso de recursos online e o trabalho remoto aumentaram, houve uma mudança global para acelerar a transformação digital*.

Mesmo com esse movimento em andamento, um relatório recente da Genetec intitulado o Estado da Segurança Física 2020*, descobriru que apenas 20% dos entrevistados já tinham implantado soluções na nuvem em seus ambientes de segurança física.

Para crescer no longo prazo, os profissionais de segurança física precisarão seguir o exemplo de outras indústrias e seus departamentos de TI e determinar a melhor forma de aproveitar a tecnologia de nuvem nos próximos anos. Em 2021, acreditamos que mais chefes de segurança deixarão de lado a divisão entre nuvem e sistemas de segurança física local e adotarão um modelo de implantação híbrido*.

Isso permite a implementação de sistemas ou aplicativos específicos na nuvem, enquanto conservam os sistemas locais existentes.

Uma abordagem híbrida facilita a transição para a nuvem. Também pode ser a resposta mais simples ao decidir como melhorar a escalabilidade, redundância e disponibilidade para atender às necessidades de mudança.

Além disso, as opções na nuvem entregam muito valor agregado. As equipes de segurança física podem migrar rapidamente para tecnologias mais novas, minimizar a pegada de hardware, aumentar a cybersecurity e reduzir custos.

#5 Maior foco em confiança na supply chain

Acreditamos que em 2021, as empresas continuarão a dedicar mais tempo para escrutinar os fornecedores e fabricantes de soluções de segurança física. Isso inclui fazer aos fornecedores perguntas mais pontuais sobre como gerenciam ameaças emergentes, quão transparentes eles são em relação a vulnerabilidades de produtos e ecossistemas de parceiros, e quais são suas políticas de privacidade e dados.

Nos últimos anos, vimos alguns governos desestimular ou proibir o uso de certos produtos de fornecedores, alegando possíveis vulnerabilidades ligadas à confiança e segurança.

Como essa tendência continua, os profissionais de segurança física procurarão fornecedores que acreditam ser capazes de cumprir as diretrizes mais rígidas.

#6 As organizações irão investir em novas soluções de controle de acesso e analíticos de vídeo

Em um relatório recente da Genetec, o Estado da Segurança Física 2020*, 54% dos entrevistados disseram que em 2021, o controle de acesso será um projeto importante a se colocar foco e 46% disseram o mesmo sobre analíticos de vídeo.

Muitos profissionais de segurança física sabem que o upgrade para soluções modernas de controle de acesso os ajudará a alcançar novos objetivos. Isso pode incluir fortalecimento da higiene cibernética ou implantação de uma nova solução de gerenciamento de identidade física* para automatizar solicitações de acesso para funcionários e visitantes.

Durante as fases de reabertura, este último ajudará a limitar a interação física enquanto mantém as pessoas seguras, os edifícios protegidos e o compliance sob controle.

Implementar analíticos de vídeo, fortalece ainda mais a segurança do local e oferece mais insights*. Da contagem de pessoas e fluxo direcional a objetos deixados para trás e detecção de linhas cruzadas, os analíticos estão fornecendo um quadro mais claro às equipes de segurança daquilo que está acontecendo em seu ambiente.

As equipes remotas também podem controlar as ameaças, ao mesmo tempo em que protegem instalações quase vazias durante esta pandemia. 

Como o machine learning continua a impulsionar a inteligência dos analíticos, os usuários perceberão taxas de precisão mais altas e isso aumentará a confiança em vários analíticos de ponta e baseados em software.

#7 Soluções personalizadas atenderão às necessidades específicas do setor

Tendências da Genetec para segurança em aeroportos 2021. As soluções de segurança física têm sido tradicionalmente padronizadas.  Embora certas funcionalidades possam atender mais a uma empresa do que outra, raramente as plataformas de segurança foram projetadas para atender a uma indústria específica. Tudo está mudando. Portfólios de produtos personalizados estão se tornando cada vez mais populares à medida que as necessidades dos usuários evoluem e as empresas buscam soluções mais sofisticadas. Aeroportos, cidades, trânsito de massa* e outros setores, exigem soluções projetadas para ajudá-los a gerenciar seus exclusivos ambientes. Como as soluções personalizadas custam uma fortuna para desenvolver e manter, os fornecedores serão pressionados a fornecer um caminho mais fácil e acessível para atender a essas necessidades personalizadas da indústria.

Procurando uma maneira de ficar por dentro das novas tendências e tecnologias em 2021?

Faça o download do relatório*

em inglês "*"

Security Center